Na Bahia, a taxa de ocupação UTIs pediátricas é 89% / Divulgação SESAB Juliana Barbosa

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), divulgou agora a pouco os dados do boletim epidimiológico, que representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), até às 17 horas deste domingo (6).

A ocupação da UTI pediátrica para pacientes com Covid-19 subiu de 86% para 100% nas últimas 24 horas. Dos 443 leitos ativos, 196 estão ocupados (44% de ocupação geral). A taxa de ocupação dos leitos de UTI adulto é de 37% e o pediátrico está em 100% (30 equipamentos).

Ainda na capital baiana, os leitos clínicos para adultos estão com 35% de ocupação e, os pediátricos, estão com 67%.

A Bahia tem 1.442 leitos ativos para tratamento da Covid-19. Desse total, 447 estão com pacientes internados, o que representa taxa de ocupação geral de 31%. Desses leitos, 585 são de UTI adulto e estão com taxa de ocupação de 35% (205 leitos ocupados).

Nas UTIs pediátricas, 39 das 44 vagas estão com pessoas internadas, o que representa taxa de ocupação de 89%. Os leitos clínicos para adultos estão com 22% de ocupação e os infantis, com 52%.

Nas últimas 24h, a Bahia registrou 232 novos casos conhecidos de Covid-19, de acordo com o boletim. O estado também contabilizou mais três óbitos pela doença.

A Bahia também atingiu 4.002 casos ativos da Covid-19. Dos 1.509.203 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.475.841 são considerados recuperados e 29.360 morreram.

Além disso, 1.771.091 casos foram descartados e 326.118 estão em investigação. Na Bahia, 62.298 profissionais da saúde tiveram exames com resultado positivo para Covid-19.

Nos demais leitos, os números se mantém estáveis ou em declínio. Esse é o caso da enfermaria pediátrica que tinha 52% dos leitos ocupados na sexta-feira (04) e agora tem 48%. A enfermaria e UTI adulto seguem com 23% e 36% respectivamente.

Fonte: BNews