Os familiares do policial civil Thiago França que estava internado no Hospital Geral do Estado em Salvador confirmaram sua morte cerebral nesta quinta-feira.

Tiago estava internado no HGE desde que sofreu um acidente no exercício de sua profissão com sua equipe na BA que liga as cidades de Ipirá e Itaberaba no início de fevereiro, quando faziam transferência de presos.

No acidente dois policiais morreram na hora e Thiago foi transferido para capital do Estado. O HGE chegou a confirmar sua morte cerebral poucos dias depois, mas voltou atrás em seguida. A época um homem foi preso acusado de exercer ilegalmente a medicina após este refutar o laudo do hospital que atestou a morte cerebral do policial.

A família deve comunicar o horário e local do policial nas próximas horas.



Bahia Acontece