O agressor por várias vezes descumpriu a medida, onde foi feita juntada de provas e expedido o mandado de prisão pelo Juiz de Direito.

Na tarde desta quarta-feira, 01, a Guarnição da Operação Ronda Maria da Penha, deslocou ao Povoado de Cariacá onde manteve contato com a vítima, que mais uma vez, mantinha provas que seu agressor estaria descumprindo recorrentemente a Medida Protetiva de Urgência.
Como já havia provas substanciais nas mãos do Juiz, foi realizado o contato com a Vara Crime, onde foi expedido o Mandado de Prisão em desfavor do agressor.
A guarnição realizou a condução à Delegacia, onde foi lavrado flagrante.

"ORMP, mais proteção para as mulheres que mais precisam!"

"PMBA, uma Força a serviço do cidadão!"