'Está muito claro que o DEM está incomodando', diz Neto sobre relevância do partido

'Está muito claro que o DEM está incomodando', diz Neto sobre relevância do partido
Foto: Valter Pontes/Secom


"Está muito claro que o DEM está incomodando", disse o ex-prefeito de Salvador à Folha de São Paulo. As mudanças no partido tem ocorrido, o prefeito do Rio, Eduardo Paes, migrou para o PSD, mesmo caminho que pode ser tomado pelo deputado Rodrigo Maia (RJ). Além deles, o vice-governador de SP, Rodrigo Garcia (SP), deve ir para o PSDB. Políticos falam em crise de identidade do DEM.

 

Ele lembra que o DEM foi o partido que mais cresceu, em números absolutos, na comparação entre as eleições de 2020 e 2016. No ano passado, elegeu 464 prefeitos, contra 268 no pleito anterior. Além disso, aumentou em 49% o número de vereadores eleitos. Mas preferiu aguardar para opinar sobre 2022.

 

"Não é o primeiro ataque especulativo que sofremos. No passado, sobrevivemos a uma certeza. Quero lembrar: o PT disse que iria acabar com o DEM. Não acabou. Passamos por tudo isso porque temos coerência, princípios, bandeiras claras e quadros", comentou. 

 

Parlamentares do DEM afirmam que têm buscado partidos em que o cenário para 2022 esteja mais aberto, com possibilidade de articulação tanto para Lula (PT) como para Bolsonaro, ao passo que ACM já teria vetado ambos sem ainda apresentar uma alternativa clara. ACM afirmou ainda que não existe veto a respeito de discussão que nem começou no partido. Mas diz que, de fato, o DEM não cogita apoiar nem Lula nem Bolsonaro.

 

“Se existem partidos no Brasil que podem apoiar qualquer um, nesse rol não nos incluímos. Não vou apontar o dedo nem julgo ninguém, mas se algum partido cogita apoiar de Lula a Bolsonaro, algum problema esse partido tem”, disse.

 

"Seria o partido do oportunismo do Brasil se admitíssemos apoiar de Lula a Bolsonaro. Não é o caso do DEM, que tem bandeiras claras.Não foi à toa que ficamos na oposição durante todo o período que o PT esteve no poder, mantendo coerência, princípios e bandeiras. Óbvio que não vou cogitar apoiar de um extremo a outro", completou.

Compartilhar Google Plus

Autor emcimadanoticia

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Editá-lo digitando o texto no html .

Postagens Relacionadas

0 comentários :

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial