Mãe de Ronaldinho Gaúcho, dona Miguelina morre de Covid-19

 


21/02/2021

A mãe do ex-jogador Ronaldinho Gaúcho, Miguelina Eloi de Assis Moreira, de 71 anos, morreu na noite deste sábado, 20, vítima de Covid-19. Ela estava internada devido a complicações do coronavírus desde dezembro de 2020, no Hospital Mãe de Deus, em Porto Alegre.

O jogador não se manifestou até o momento, mas trocou a foto de perfil para um fundo preto, em luto pela morte de Miguelina.


No último dia 21 de dezembro o jogador, pelo Twitter, chegou a pedir “energias positivas” e “orações” pela sua mãe. “Queridos amigos, minha mãe está com Covid-19 e estamos na luta para que ela se recupere logo. Ela está no centro de tratamento intensivo, recebendo todos os cuidados”, escreveu Ronaldinho Gaúcho.

Em nota oficial, o Atlético-MG se solidarizou com Ronaldinho e declarou que o clube está em luto pela morte de Dona Miguelina. O meia foi campeão da Libertadores e é ídolo do Galo.

A TARDE


Compartilhar Google Plus

Autor emcimadanoticia

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Editá-lo digitando o texto no html .

Postagens Relacionadas

0 comentários :

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial