Homem morto a tiros durante explosão a carro-forte na BR 407 em Juremal era engenheiro da Chesf e retornava de trabalho


O homem que morreu durante a ação de criminosos contra um carro-forte, na zona rural de Juazeiro, no norte da Bahia, foi identificado como Ivan Lopes de Souza, de 50 anos. As informações são da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Ivan era engenheiro civil da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf). A informação foi confirmada pela assessoria da empresa. Não há detalhes sobre há quanto tempo Ivan trabalhava na empresa, mas o gerente da unidade de Sobradinho informou que a vítima era de Recife e estava morando em Petrolina, cidade pernambucana vizinha a Juazeiro, na Bahia.

O gerente ainda informou que Ivan estava fazendo um trabalho de fiscalização de obras na cidade baiana de Bom Jesus da Lapa e, quando seguia para casa, em Petrolina, foi surpreendido pela ação dos bandidos. A assessoria da Chesf informou que está oferecendo todo apoio à família do engenheiro.

Ivan foi atingido por um disparo de arma de fogo feito por um dos assaltantes que roubaram o carro-forte no distrito de Juremal, que fica na zona rural da cidade de Juazeiro. Após o assalto, os criminosos atiraram aleatoriamente, e um dos disparos acabou atingindo o engenheiro, que morreu no local. Até a publicação desta reportagem, ninguém havia sido preso.

G1/BA
Compartilhar Google Plus

Autor emcimadanoticia

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Editá-lo digitando o texto no html .

Postagens Relacionadas

0 comentários :

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial