DEPUTADO E EX-PREFEITO CAETANO ESTÁ INELEGÍVEL, SEGUNDO TSE

O deputado federal e ex-prefeito de Camaçari, Luiz Caetano (PT), teve sua candidatura à reeleição impugnada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Por unanimidade, os sete ministros da corte entenderam que o ex-prefeito cometeu crime de improbidade e está enquadrado na Lei da Ficha Limpa.
Com a decisão da sessão, na terça-feira (27), o petista não será diplomado e fica inelegível por 5 anos. Os  124.647 votos de Caetano vão para a legenda. Quem assume seu lugar é o primeiro suplente e ex-prefeito de Guanambi, Charles Fernandes (PSD).
Condenado em 2014 pela Vara da Fazenda Pública de Camaçari, o petista precisou  devolver R$ 304 mil por crime contra os cofres públicos e por contratar sem licitação, em 2007, a Fhunami para a fabricação de fardamentos e material escolar.
Compartilhar Google Plus

Autor emcimadanoticia

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Editá-lo digitando o texto no html .

Postagens Relacionadas

0 comentários :

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial