Juízo da comarca de Jaguarari julga improcedente ação de improbidade administrativa contra Everton Rocha


Jaguarari, julgou nesta terça-feira, totalmente improcedente  a Ação Civil  pública,  promovida a época pelo promotor de justiça Igor Clóvis Silva Miranda,  em face do prefeito Everton Rocha.
Na ação dentre outras alegações, o Ministério público local, via promotor Dr. Igor Clóvis Silva Miranda, alegava uma suposta existência, de nepotismo cruzado, na gestão de Everton Rocha, por ter no governo naquela época, como secretário de obras, um tio de um vereador.
Todavia, importante lembrar, que o referido vereador foi eleito no bloco opositor ao gestor e assim continuou, não tendo nenhuma participação naquela nomeação, a qual ocorreu simplesmente, pelo notório conhecimento e competência do secretário, de nome João Melo, como é de conhecimento público e notório da sociedade de Jaguarari, o que não foi suficiente para convencer o promotor, tendo inclusive o gestor Everton Rocha, exonerado o referido secretário, em preservação a total legalidade do governo.
Nesse sentido, no dia de hoje, 24 de julho de 2018, o juízo da comarca local, julgou Totalmente Improcedente a Ação Civil Pública de Improbidade administrativa, contra Everton Rocha, promovida pelo Ministério Público, a época do promotor de Justiça Dr. Igor Clóvis Silva Miranda.
A Justiça local enfrentou o mérito e reconheceu o direito, a Everton Carvalho Rocha, tal como ocorreu no processo de inelegibilidade, que foi julgado recentemente pelo TSE. Agora a sociedade jaguarariense espera ansiosa o enfrentamento do mérito dos processos que cercam as CPP, que cassaram o mandato do gestor, já que cercadas de indícios de vícios insanáveis, tais como; suposta compra de denunciantes, negociatas envolvendo o Vice e alguns edis, etc, já existindo inquérito civil, aberto no MP, sobre os fatos e com muitos cidadãos sendo investigados.
Fonte: Jaguarari News
Compartilhar Google Plus

Autor emcimadanoticia

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Editá-lo digitando o texto no html .

Postagens Relacionadas

0 comentários :

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial