Trindade tem palavra cortada, chama Prates de ditador e deixa plenário após discussão

Trindade tem palavra cortada, chama Prates de ditador e deixa plenário após discussão
Foto: Bahia Notícias

A sessão desta quarta-feira (16) na Câmara Municipal de Salvador teve um bate-boca entre o vereador José Trindade (Pode) e o presidente da Casa, Leo Prates. O desentendimento começou quando Trindade afirmou que o projeto aprovado nesta quarta, para mudar os termos de um empréstimo de US$ 60,7 milhões feito pela prefeitura, mostrava a “incapacidade do prefeito”. Em seguida, Prates deu uma advertência ao vereador, que retrucou, ironizando que nem havia chamado o prefeito ACM Neto de anão. Depois, Prates cortou a palavra do vereador do Podemos em definitivo. Com isso, Trindade se recusou a deixar a tribuna para dar lugar a outro vereador e começou a dirigir ofensas ao presidente da câmara, chamando-o de ditador. “Você não está sendo correto, Leo Prates. Isso tudo é para agradar ao prefeito”, atacou. A turma do deixa disso entrou em cena e conversou com Trindade para convencê-lo a deixar a tribuna.
Compartilhar Google Plus

Autor emcimadanoticia

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Editá-lo digitando o texto no html .

Postagens Relacionadas

0 comentários :

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial